Hex Mask UI Icons Arrow Down Arrow Left Arrow Right Arrow Up Brackets Calendar Checkmark Chevron Down Chevron Left Chevron Right Chevron Up Clock Close Connect Copy crown Ellipsis External URL Favorite (off) Favorite (on) Help Home Info Live Mobile Menu Mobile Overflow Paginate Dot (filled) Paginate Dot (empty) Pin Placeholder Icon Play Video Circle Play Video Plus Search Team No-Team-Logo_Fallback_003 Ticket Trophy User Input Video Video Play Icon World X Game Mode Icons Hero Icons Map Icons Platform Icons Social Icons Mobile Discord Facebook Instagram Reddit Twitch Twitter Youtube Weibo WeChat Workshop Icons WorkshopControl WorkshopShare WorkshopInfinite

Moira

Moira

Função

Suporte

Dificuldade

As habilidades bióticas de Moira permitem que ela contribua curando ou causando dano durante qualquer crise. Seu Punho Biótico concede opções para batalhas de curto alcance, enquanto seus Orbes Bióticos concedem cura e dano para distâncias maiores. Ela também pode usar Desvanecer para escapar de grupos ou continuar perto de aliados que precisam de suporte. Quando sua Coalescência estiver carregada, Moira pode salvar vários aliados de serem eliminados de uma vez ou abater inimigos enfraquecidos.


Habilidades

Punho Biótico

Usando sua mão esquerda, Moira gasta energia biótica para curar aliados à sua frente. Sua mão direita dispara um raio de longa distância que drena a vida dos inimigos e cura Moira, recarregando também sua energia biótica.

Orbe Biótico

Moira lança uma esfera biótica que rebate. Ela pode escolher entre um efeito de regeneração que cura aliados ao passar por eles ou de deterioração que causa dano aos inimigos.

Desvanecer

Moira se teletransporta rapidamente por distâncias curtas.

Coalescência

Moira canaliza um raio de longa distância que pode curar aliados ou atravessar barreiras para causar dano a seus inimigos.

Biografia

  • Nome verdadeiro: Moira O'Deorain, Idade: 48
  • Ocupação: Geneticista
  • Base de operações: Dublin, Irlanda; Oásis, Iraque
  • Afiliação: Talon, Blackwatch (anteriormente)

A ciência revelará a verdade.

Tão brilhante quanto controversa, a cientista Moira O’Deorain pesquisa o que há de mais avançado na engenharia genética, buscando uma forma de reescrever os fundamentos que constroem a vida.

Mais de uma década atrás, O’Deorain causou um alvoroço ao publicar um trabalho controverso detalhando uma metodologia para criar programas genéticos personalizados que poderiam alterar o DNA em nível celular. Parecia um passo promissor para superar doenças e síndromes e maximizar o potencial humano.

O evento foi seguido por discordâncias entre seus colegas. Muitos consideraram seu trabalho perigoso devido às consequências éticas e O'Deorain foi acusada de ter o mesmo desejo científico de avanço sem restrições que muitos acreditam ter causado a Crise Ômnica. Além disso, outros geneticistas foram incapazes de reproduzir os resultados das pesquisas de Moira, o que trouxe questionamentos a suas descobertas. Em vez de alavancar sua carreira, seu trabalho acabou prejudicando imensamente sua reputação.

Ela recebeu investimento com uma oferta de uma fonte improvável: a Blackwatch, a equipe de operações secretas da Overwatch. Ela continuou seu trabalho das sombras enquanto desenvolvia armas e tecnologias novas para a organização. Seu emprego era um segredo bem guardado até que foi descoberto devido às investigações após o incidente de Veneza. Muitos oficiais de alto escalão na Overwatch juraram não saber de sua afiliação à equipe.

Após a Overwatch ter sido desfeita, O'Deorain foi forçada a buscar fontes alternativas de custeamento. Dessa vez, ela foi convidada para se juntar ao coletivo científico que fundou a cidade de Oásis. Ainda assim, alguns dizem que a organização secreta Talon já a financiava por anos, ajudando em seus experimentos em troca do uso de seus resultados para fins próprios.

Apesar de O'Deorain buscar o avanço científico a qualquer custo, seu trabalho ainda é desconhecido pela maioria. Mas agora que ela foi libertada de todas as amarras, é só uma questão de tempo até tudo mudar.